Google+ Badge

segunda-feira, 23 de março de 2015

Parte I do texto para pesquisa_PA - 1º Bimestre 1º e 2º anos

Leiam o texto a seguir:
Os conceitos de liberdade e de direitos humanos talvez não tenham surgido com os gregos no período clássico, e sim com o Irã, já no século VI a.C., sob Ciro, o grande; os rei Aquemênida  que estabeleceu o primeiro Império Persa, o qual se tornaria  o maior e mais poderoso reino do mundo; onde a liberdade religiosa e o respeito humano com os povos subjugados era uma prática normal.
O IMPÉRIO PERSA ACABOU.
No século VII tem inicio outro império, o islâmico que partiu da  Arábia Saudita  e expandiu-se para os mundos : Ocidental e Oriental. O reino de Alá só começou a perder força pós 1ª Guerra.
Porém no século XX, em 2.001, um grupo extremista da Al Qaeda, em nome de Alá e do profeta Maomé, ameaçou os pilares do mundo Ocidental. Através de um ataque contra a maior potência do mundo (EUA) derrubando  as duas torre gêmeas do W.T.C. em N.Y., matando mais de 3.000 pessoas.
Atualmente um novo grupo assumiu o posto de ameaça numero 1 do mundo civilizado : O ESTADO ISLÃMICO (E.I). Utilizando modernas  táticas de guerra, o E.I conquistou territórios  na Síria e no Iraque e sua ideologia expandiu-se rapidamente  por outros continentes. Para entender  o que esta acontecendo é  preciso conhecer as intenções do misterioso e temível líder do E.I Abur Bakr al Baghdadi, herdeiro legitimo da ideologia  radical de Osama bin Laden . Ele é o mentor e o artífice da selvageria e brutalidade  que o E.I vem impondo nos territórios conquistados.
Seu modelo de governo é o Islã antigo e uma adaptação  radical da Sharia, a lei religiosa islâmica.
Seu objetivo está muito mais voltado a conquistar territórios que em aterrorizar o mundo, pelo menos por enquanto.
Segundo Zbigniew Brzezinsk, um dos maiores estrategistas americanos do século XX e Conselheiro do Centro para Estudos Estratégicos Internacionais : " O Estado Islâmico tem uma ambição expansionista, baseada numa verdade religiosa que atribuiu ao grupo uma missão de dominação mundial. Essa ambição faz o grupo ser mais ameaçador que a própria Al Qaeda." Fonte Revista Época 21-12-2.014.
A estratégia de Baghdadi tem sido muito clara: Conclamar os jihadistas em potencial do mundo inteiro  para viajar para a Síria e Iraque afim de lutar para o Estado Islâmico.
Ao fechar esta edição fui informado através da mídia, que terroristas, representantes da Al Qaeda e do Estado Islâmico, aterrorizaram  a cidade de Paris, França.
O ataque foi feito contra um jornal caricaturista, CHARLIE HEBDO, que publicava cartuns a respeito de Maomé, do islamismo, de políticos e outras religiões.
Porém Jihadistas inconformados  resolveram invadir a sede do jornal matando 12 pessoas deixando a França e o mundo em estado de choque e atenção.

Por um lado a quem diga que o ataque está ligado a luta contra a liberdade de imprensa. 

Continua...